Comissão aprova projeto que permite bloqueio de celulares

A Comissão de Ciência e Tecnologia, Comunicação e Informática aprovou na quarta-feira (3) proposta que restabelece a possibilidade de bloqueio de aparelhos celulares para chips de outras operadoras. Continuar lendo

Anúncios

Internautas planejam flash mob para protestar contra projeto de lei que regula a internet

RIO – A iminência da votação na Câmara dos Deputados do projeto de lei que tipifica crimes da internet levou a uma movimentação de internautas na rede. Para protestar contra o projeto, estão sendo organizadas manifestações em São Paulo e no Rio de Janeiro. A idéia é promover flash mobs nas duas maiores cidades do país na próxima sexta-feira, 14 de novembro, às 18h.

Em São Paulo, eles pretendem se reunir por 30 segundos no canteiro central da Av. Paulista, na altura do número 900. No Rio de Janeiro, os manifestantes ficarão pelo mesmo tempo na Cinelândia, em frente à Camara Municipal. Um abaixo-assinado na internet já recolheu quase 120 mil assinaturas de pessoas que pedem o veto ao projeto.

O projeto já foi aprovado no Senado, com diversas modificações que especialistas consideraram positivas. Muitos, no entanto, acreditam que o projeto ainda tem problemas e que prejudica a liberdade na web e invade a privacidade dos internautas.

Um dos blogs que apóiam o movimento, o Interney, critica duramente o projeto, que, segundo ele, implantaria “uma situação de vigilantismo, não impede a ação dos crackers, mas abre espaço para violar direitos civis básicos, reduzir as possibilidades da inclusão digital, elevar o custo brasil de comunicação e transferir para toda a sociedade os custos de segurança que deveriam ser apenas dos bancos”.

Vamos mobilizar?

 

Flash Mobs são aglomerações instantâneas de pessoas em um local público que depois de fazer uma determinada ação previamente combinada se dispersam tão rápido quanto se reuniram. (Wikipédia)